Son Salvador

E o camisa 9?

Publicação: 28/10/2017 04:00

Levou um ano para o Cruzeiro descobrir que precisa de um centroavante. Teve a experiência com o Ábila, mas seu estilo não agradou ao treinador. Interessante é que mesmo entrando no segundo tempo, ele fazia a sua parte, marcava gols. No entanto, perdeu espaço com a chegada do Rafael Sóbis. Escalado como falso 9, ele é o artilheiro do Cruzeiro, mas está longe de ser o atacante dos sonhos. Não consegue uma sequência de bons jogos. Veio o Sassá, que poderia ser a solução. Entrou em alguns jogos e, como diria aquele treinador da base, mostrou qualidades. Ocorre que o moço se contundiu e está fora do time. Raniel foi mais um que começou com a corda toda, tinha tudo para sumir o papel de goleador azul. Pois bem, se tornou mais um contundido. Agora, Mano Menezes reclama da falta de efetividade do seu time dentro da área adversária. A nova diretoria avisa que buscará reforços. Assim sendo, o centroavante deverá ser o foco principal. O Cruzeiro merece.

JOGÃO

Cruzeiro e Palmeiras fazem uma partida que poderá definir o Campeonato Brasileiro. A seis pontos do líder Corinthians, o clube paulista precisa de uma vitória. Vem, crescendo na disputa, principalmente depois da saída do Cuca. No entanto, o time do Mano Menezes já perdeu duas seguidas. Uma para o Coritiba, e a que mais incomodou: para o Atlético. O time da Toca não é de perder jogos seguidos, pelo contrário, sempre se supera após um tropeço. Então, é de se esperar que o elenco cruzeirense faça uma partida muito boa em São Paulo. Azar do Porco.

 

ENTÃO, TÁ...
Oswaldo de Oliveira teceu elogios ao Cazares. Disse que ele foi um dos responsáveis pela vitória no clássico. Sinceramente, não vi assim. Outros jogadores, como Victor, Fábio Santos e Robinho jogaram muito mais. Mas percebo que o treinador tenta motivar o atleta. Tenta dar a ele um pouco mais de confiança e disposição. Só que ele chegou atrasado para o treinamento da sexta-feira. Então....

HORTO
Nos últimos tempos o Atlético vai bem no campo do adversário e se complica em casa. Isso significa que o treinador terá que escalar para o jogo contra o Botafogo uma equipe competitiva, com todo mundo ajudando na marcação e saindo em contra-ataques. Se não for assim, o clube carioca nadará de braçada. Imagino que seja cedo para escalar uma equipe com Elias, Robinho e Cazares. O time perderia velocidade e marcação. Mas, o treinador sabe muito bem o que faz.

ABNEGADO
O futebol, em sua mais pura raiz, em sua base, conta com a presença de algumas figuras que, quase no anonimato fazem aquele trabalho de manter pequenos clubes, encaminhar jovens valores, unindo um belo trabalho social ao futebol. Todo mundo em Belo Horizonte já falou ou ouviu falar do time do Venda Nova. Pois bem, é mais um daqueles espaços em que na grama, ou no terrão, o menino encontrou uma chance, um olhar de quem escolheu o futebol omo vocação e não como fonte de renda. Estou dizendo isso porque o futebol amador perdeu uma figura que sempre incentivou aqueles que buscavam uma chance. Muita gente chegou ao profissionalismo graças á mão estendida pelo Nival Dias de Sá. Ele nos deixou, partiu para um plano superior, mas deixa a marca de quem se doou sem exigir nada em troca. Queira apenas ver a meninada jogando bola. Vai fazer uma falta danada.

QUE COISA!
Não vejo o Luxemburgo em final de carreira. Acredito que ele, mais uma vez, cometeu o erro de assumir um time sobre o qual não teria controle. Começou até bem no Sport. Mas, aos poucos, a equipe foi perdendo o pique. Interessante que o treinador se deu mal no Atlético, que tinha como uma de suas principais figuras o Diego Souza. Agora, se dá mal no Nordeste com o mesmo jogador no elenco do Sport. Que sina!!!

VEM CÁ...
A turma que torceu o nariz para o que o Robinho falou para o jogador da Chapecoense é a mesma que passa a mão na cabeça do Felipe Mello? Interessante!!!!

COMPLICADO
O Corinthians, que parecia ser o campeão Brasileiro por antecedência, não está surpreendendo pelo que está jogando agora. Mas, sim, pelo que jogou no começo do Brasileirão. Se perder para a Ponte Preta, certamente a carruagem de ouro e prata se transformará numa abóbora.

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.