Cidades

Justiça manda apagar vídeo de filho de juiz ostentando relógio de R$ 1 milhão

Publicado

em

Reprodução - TikTok

O filho do ministro Benedito Gonçalves, do Supremo Tribunal de Justiça (STJ), Felipe Brandão, se envolveu em uma polêmica após um vídeo em que ele aparece nas ruas da Holanda com roupas e acessórios de luxo.

A Justiça determinou a retirada do conteúdo, que foi publicado por Anthony Kruijver, um influenciador conhecido por mostrar as roupas das pessoas em locais públicos no TikTok.

A juíza Flávia Babu Capanema Tancredo, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, considerou que o vídeo tinha a intenção de atingir o ministro Benedito Gonçalves. O magistrado ficou conhecido por sua participação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), onde foi relator da ação que tornou o ex-presidente Jair Bolsonaro inelegível.

O episódio ganhou repercussão e foi utilizado por apoiadores de Bolsonaro para atacar o ministro. Nas imagens, Felipe Brandão é visto usando um tênis avaliado em R$ 30 mil, um relógio no valor de R$ 1 milhão, uma jaqueta de aproximadamente R$ 15 mil e outros itens de grife.

A decisão judicial foi tomada com base na proteção à imagem e reputação do ministro, bem como na preservação da privacidade de sua família, já que bolsonaristas estavam usando as imagens para atacarem o ministro.

É importante ressaltar que o influenciador Anthony Kruijver não se pronunciou publicamente sobre o caso até o momento. Além disso, a ação judicial destaca a necessidade de responsabilidade no uso das redes sociais e na divulgação de conteúdos que possam prejudicar terceiros.

Receba as notícias do Aqui de graça no seu celular. Inscreva-se.