Cidades

Morre o homem socorrido por helicóptero da PRF que fez pouso forçado em BH

Publicado

em

crédito: Wellington Barbosa/EM/D.A. Press

Morreu na noite desta quarta-feira, 21, o motorista de caminhão Uender Silva de Alencar, de 30 anos, que foi socorrido após um acidente no Anel Rodoviário no dia 8 de janeiro, quando precisou ser socorrido por um helicóptero da Polícia Rodoviária Federal.

Na ocasião a aeronave teve problemas técnicos e precisou fazer um pouso forçado em uma outra avenida da capital, a poucos metros de onde o acidente tinha acontecido.

O motorista era natural da cidade de Goiatuba, em Goiás, e estava voltando pra casa depois de fazer um frete, quanto se envolveu em um batida com um outro caminhão no Anel.

Ele estava internado no Pronto-Socorro João XXIII desde o dia em que sofreu o acidente. Neste tempo, chegou a ficar em coma, acordou, teve uma melhora e foi transferido para a enfermaria.

Só que teve uma piora no quadro e voltou a ser internado na UTI.

Under deixa uma esposa e um filho. Já o acidente aérero com o helicóptero da PRF, segue sendo investigado pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa).

Receba as notícias do Aqui de graça no seu celular. Inscreva-se.