Cidades

Motorista de ônibus em acidente no Barreiro recusou teste do bafômetro

Publicado

em

Edesio Ferreira/EM/D.A. Press

O motorista que conduzia um ônibus que sofreu acidente na manhã desta quarta-feira, 21, teria se recusado a fazer o teste do bafômetro quando foi encontrado pela Polícia Militar em sua residência.

A informação é da rádio Tempo, que diz ter conversado com um policial militar, que pediu para não ser identificado.

De acordo com o militar, o motorista do ônibus disse que deixou o local por causa das ameaças que teria recebido de parte dos passageiros do coletivo.

O motorista teria relatado que a maior parte dos passageiros da linha se recusa a pagar pela passagem e que entra no ônibus pela porta de trás. Por isso, inclusive, não havia ninguém na parte da frente na hora do acidente frontal.

Ele alegou que com a perda do freio, preferiu jogar o coletivo no muro para evitar uma tragédia.

Já uma usuária da linha, ouvida por uma outra rádio, a Itatiaia, disse que os ônibus perdem o freio com frequência na região:

“Já é costume perder o freio. O ônibus por só anda com pneu careca. Não é a primeira vez”.

Receba as notícias do Aqui de graça no seu celular. Inscreva-se.