Cidades

Pedreiro é flagrado com menina na bicicleta pouco antes de matá-la e estuprá-la

Publicado

em

Policia Civil

Um crime chocante abalou a cidade de Aparecida de Goiânia (GO) na última semana. Imagens capturadas por câmeras de segurança revelaram o momento em que o pedreiro Janildo da Silva Magalhães, suspeito de estuprar e matar uma adolescente de 14 anos, abordou a jovem Amélia Vitória.

A vítima, que estava a caminho da escola para buscar sua irmã, desapareceu na última quinta-feira (30).

As câmeras registraram o momento em que o suspeito levou a adolescente de bicicleta até uma casa abandonada, onde teria ocorrido o estupro. Logo depois, ele foi visto conduzindo a menina até um matagal, onde ela foi brutalmente assassinada.

No sábado (2), o corpo de Amélia foi encontrado enrolado em um lençol, na calçada de uma rua próxima ao colégio de sua irmã.

Segundo relatos da tia da vítima, Cristine Moreira, a adolescente conhecia bem o trajeto e passava por ali todos os dias.

Normalmente, ela utilizava sua bicicleta para se locomover, mas, como o veículo estava com defeito, decidiu ir a pé. Além disso, Amélia não estava com seu celular no momento do desaparecimento.

A família só soube do sumiço da adolescente quando a escola ligou informando que ninguém havia buscado sua irmã mais nova.

Após investigações intensas, Janildo da Silva Magalhães foi preso preventivamente na segunda-feira (4). Segundo a Polícia Civil de Goiás, o suspeito já responde por um crime de estupro contra sua enteada, quando ela tinha apenas 15 anos.

Receba as notícias do Aqui de graça no seu celular. Inscreva-se.