Curiosidades

Assassino que matou 20 pessoas é e flagrado em ponto turístico

Publicado

em

Reprodução - C4

O infame Charles Sobhraj, conhecido como ‘A Serpente’ por sua astúcia em seduzir e depois atacar suas vítimas, ressurgiu em Londres aos 79 anos. O francês, suspeito de estar por trás da morte brutal de mais de 20 mochileiros na Ásia durante as décadas de 1970 e 1980, foi flagrado pelas lentes em disfarce na Ponte de Westminster.

Em uma imagem chocante, Sobhraj foi capturado caminhando entre turistas, ocultando sua identidade por trás de uma peruca e barba falsa.

Sua presença na capital britânica reavivou memórias sombrias de seus supostos crimes enquanto ele passava despercebido entre os visitantes.

O ressurgimento do serial killer coincidiu com o lançamento de uma nova série do Channel 4, que detalha sua libertação da prisão no Nepal após quase duas décadas de encarceramento. Sobhraj estava cumprindo pena pelos assassinatos de uma mochileira americana e seu companheiro canadense em 1975.

Anteriormente, já havia sido condenado na Índia pelo envenenamento de Luc Salomon em 1976.

Em uma reviravolta perturbadora, durante uma parada para fotos em marcos icônicos de Londres, como o Big Ben e o Parlamento, o assassino em série se vangloriou de sua habilidade em burlar a justiça, ressuscitando o espanto em torno de seu passado sinistro.

Receba as notícias do Aqui de graça no seu celular. Inscreva-se.