Entretenimento

Repórter se compara a Paolla Oliveira: “Fui um homem obeso”

Publicado

em

Reprodução - X

Um repórter está enfrentando duras críticas nas redes sociais após fazer um comentário insensível sobre o corpo da rainha de bateria da Grande Rio, Paolla Oliveira. O incidente ocorreu após o desfile da escola de samba, e o vídeo do momento constrangedor foi amplamente compartilhado.

No vídeo, o repórter começa elogiando a atriz e modelo pela sua atuação no Carnaval, destacando a importância da representatividade e do empoderamento feminino. No entanto, ele estraga tudo ao insinuar que Paolla já esteve acima do peso, como se estivesse quebrando estereótipos corporais.

“Você está belíssima, Paolla. Isso é muito importante pra gente, pra questão da representatividade. Eu fui um homem obeso e sei o quanto é importante a gente se amar, se aceitar. E essa mensagem que você passa, é muito importante”, disse o repórter.

Paolla, de forma discreta, ignorou o comentário indelicado do repórter e respondeu dizendo que era difícil ouvir algo com a fantasia de onça que estava usando.

Diante da repercussão negativa nas redes sociais, o repórter sentiu a necessidade de se desculpar publicamente. Em um vídeo divulgado nesta quinta-feira (15), ele afirmou que em nenhum momento chamou Paolla de obesa e pediu desculpas por qualquer mal-entendido.

“Que loucura é essa que eu chamei a Paolla Oliveira de obesa? Ela não é obesa. Ela é uma mulher padrão, magra, esbelta. Quero pedir desculpas se alguém entendeu isso. Quero pedir desculpas a Paolla Oliveira. Na hora ela não escutou, mas depois ela viu o vídeo e achou isso”, explicou o repórter.

Ele também ressaltou que seu intuito era agradecer pessoalmente a Paolla por levantar a bandeira do corpo livre, já que ele próprio passou por uma transformação física ao realizar uma cirurgia bariátrica. Segundo o repórter, ele nunca teve alguém como Paolla para falar sobre autoaceitação durante sua juventude.

Receba as notícias do Aqui de graça no seu celular. Inscreva-se.