Esportes

Atlético x Flamengo: Felipão e Tite estão brigados há 13 anos

Publicado

em

Reprodução

Tite e Felipão são dois grandes nomes do futebol brasileiro e por muitos anos foram amigos íntimos, de frequentarem a casa um do outro. Mas há 13 anos eles romperam relações e nem sequer conversam um com o outro mais.

Na reta final do Brasileirão de 2010, o Corinthians liderado por Tite contava com a ajuda do Palmeiras de Felipão na disputa pelo título. Se o Palmeiras conseguisse vencer o Fluminense, o Corinthians assumiria a primeira posição se ganhasse seu jogo contra o Vasco.

No entanto, as coisas não saíram como planejado e o Fluminense sagrou-se campeão. Tite culpou a falta de empenho do seu antigo amigo pela derrota.

Em 2011, após a eliminação do Corinthians na Libertadores para o Tolima-COL, uma declaração de Felipão sobre Tite gerou polêmica. Scolari afirmou que se o emprego de Tite dependesse de uma vitória, ele torceria para que o Corinthians perdesse. E foi exatamente isso que aconteceu.

No encontro seguinte entre os dois treinadores, houve mais uma controvérsia. Tite protagonizou uma cena marcante ao falar muito à beira do campo. Nem mesmo um abraço trocado em 2012 foi capaz de amenizar a tensão entre eles. A relação se tornou estritamente profissional.

Irmão de Tite colocou lenha na fogueira

Miro Bachi, irmão de Tite e assessor do treinador, comentou sobre essa rivalidade que surgiu entre os dois. Segundo ele, a amizade não resistiu aos conflitos profissionais e hoje em dia eles mantêm apenas uma relação cordial nos encontros oficiais.

Atlético x Flamengo

A rivalidade entre os técnicos marcará uma partida em que os clubes também são rivais históricos.

Somados os fatos de que ambos acusam a arbitragem de favorecer o outro, o jogo promete ser de grandes emoções.

Receba as notícias do Aqui de graça no seu celular. Inscreva-se.