Esportes

Daniel Alves: condenado e preso, segue recebendo milhões do São Paulo

Mesmo condenado e preso, o jogador de futebol brasileiro Daniel Alves segue recebendo um altíssimo valor de seu antigo clube, o São Paulo.

Publicado

em

Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

O jogador de futebol brasileiro Daniel Alves segue recebendo milhões do São Paulo, mesmo condenado e preso na Espanha, acusado de estupro contra uma jovem em uma balada de Barcelona.

Nesta quinta-feira, 22, ele foi condenado a 4 anos e 6 meses de prisão e deve seguir em regime fechado por algum tempo, antes de conseguir uma progressão de pena.

Mesmo assim, ele segue recebendo uma alta quantia de seu antigo clube, o São Paulo, que após uma rescisão contratual conseguiu abaixar o valor da multa, de R$ 50 milhões para R$ 25 milhões, e vem lhe pagando em suave prestações.

Em entrevista à Folha de São Paulo, nesta quinta, o presidente do São Paulo, Julio Casares confirmou que Daniel Alves ainda recebe todos os meses um valor de R$ 450 mil.

“Na saída dele fizemos uma confissão de dívida e um acordo que baixou de R$ 50 milhões para R$ 25 milhões. Estamos pagando”, disse Casares à Folha.

O time não conseguiu achar brechas legais para interromper os pagamento e teme que se fizer isso, seja processado no futuro.

Daniel Alves chegou ao clube em 2021 com uma alta expectativa, mas que logo não foi cumprida. Sem o desempenho esperado, as duas partes decidiram romper o contrato.

Receba as notícias do Aqui de graça no seu celular. Inscreva-se.