Esportes

Dono do PSG quer comprar parte de time da Série A e não é o Atlético

Publicado

em

Reprodução

Os donos do time em que o jogador Neymar está defendendo está interessado em comprar partes da SAF de um clube brasileiro, o Santos, onde coincidentemente o brasileiro começou sua carreira de sucesso.

De acordo com informações do jornalista Paulo Vinicius Coelho, o fundo de investimentos QSI (Qatar Sports Investiments), que controla o PSG, estaria fortemente pensando em fazer uma oferta por participação no Peixe.

Segundo o colunista do UOL, a ideia seria apenas comprar uma parte minoritária da SAF, deixando o controle com a associação.

As negociações teriam começado e avançado com a ajuda do próprio Neymar, que ainda nutre boas relações com a diretoria do clube.

O modelo que mais agrada ao grupo de investimentos é semelhante ao implantado no Sporting Braga, de Portugal, onde ficou com 23% das ações.

“o QSI, que é o Qatar Sports Investments, tem a ideia de fazer uma parceria com o Santos parecida com o que fez com o Braga, um modelo muito difícil de se encontrar”, escreveu PVC.

“A QSI, por causa da ligação do Neymar pai e do Neymar filho com o Santos, se interessa em comprar uma parte minoritária do Santos. Para isso, o Santos teria que virar SAF e a QSI faria aquilo que parece inexplicável, botar o dinheiro na mão de um clube que vai administrar esse dinheiro”, complementa o jornalista.

Não é o Atlético

Para a infelicidade dos torcedores atleticanos, o fundo de investimentos não quer investir no Galo, que segue com suas negociações cada vez mais distantes com o empresário americano Peter Grieve.

Publicidade
Publicidade
Receba as notícias do Aqui de graça no seu celular. Inscreva-se.