Esportes

Neymar é suspenso do Al-Hilal a pedido de Jorge Jesus

Publicado

em

Reprodução

O atacante Neymar, que faz parte da seleção brasileira, enfrentará uma ausência de até dez meses nos campos de futebol devido a graves lesões no ligamento e meniscos do joelho esquerdo. E agora ele foi suspenso do time árabe.

De acordo com o jornal italiano Corriere dello Sport, o técnico Jorge Jesus solicitou a suspensão do contrato de Neymar com o Al-Hilal. A decisão tem motivações burocráticas e estratégicas por parte do clube.

O Al-Hilal deseja abrir uma vaga para um novo jogador estrangeiro na janela de transferências de janeiro. Jorge Jesus, ex-treinador do Flamengo, teria solicitado a contratação de um lateral-esquerdo para reforçar a equipe.

Só que para viabilizar essa negociação, o clube precisaria suspender temporariamente o contrato de Neymar, para só assim abrir espaço no elenco para outro estrangeiro no futebol saudita.

Neymar no Al-Hilal

Aos 31 anos de idade, Neymar foi contratado pelo Al-Hilal em 15 de agosto, vindo do Paris Saint-Germain, onde tinha contrato até 2027. Além dos valores exorbitantes envolvidos na negociação, o contrato de Neymar também inclui privilégios como uma mansão com empregados, bônus variados e a permissão para a presença de sua namorada, Bruna Biancardi, na Arábia Saudita.

Neymar teve poucas oportunidades de entrar em campo em 2023. Em fevereiro, ele ficou afastado por cinco meses devido a uma lesão no tornozelo direito, que também exigiu intervenção cirúrgica. Como principal destaque do Al-Hilal para esta temporada, o camisa 10 da seleção brasileira atuou apenas cinco vezes pelo novo clube e marcou um gol. Apesar da suspensão temporária do contrato, o clube saudita continua responsável pelo pagamento do salário de Neymar durante o período em que ele estiver afastado dos gramados.

Receba as notícias do Aqui de graça no seu celular. Inscreva-se.