Notícias

Homem se passa por membro do PCC para tentar roubar loja no interior de Minas

Ele foi preso pela Polícia Militar enquanto ameaçava funcionários do estabelecimento

mm

Publicado

em

Caso ocorreu em Alto Rio Doce, na Zona da Mata mineira

Está à disposição da Justiça um homem, de 37 anos, preso nessa segunda-feira (13) por tentar roubar uma loja em Alto Rio Doce, na Zona da Mata Mineira. Conforme a dona do estabelecimento, ele se passou por integrante da maior organização criminosa do Brasil, o Primeiro Comando da Capital (PCC) para amedrontar as vítimas. 

Na tarde dessa segunda, os militares chegaram à loja, que fica no Centro da cidade, e abordaram o suspeito. Em seguida, conforme informações do boletim de ocorrência, ele ficou alterado e resistiu às ações e desobedeceu às ordens dos militares, que precisaram algemá-lo. 

A dona da loja relatou que o homem entrou pedindo dinheiro. Após ter o pedido negado, ele teria ameaçado ela e os funcionários. Foi neste momento que ele disse ser membro do PCC, versão não confirmada pelos policiais. 

O suspeito ameaçou pegar roupas da loja e pegou a chave do carro da dona do empreendimento. Uma das testemunhas disse que o homem rondava as lojas da região acompanhado de comparsas pedindo dinheiro para uma associação. 

A partir dessas informações, os policiais chegaram a um casal que afirmou possuir uma comunidade de serviço social a moradores em situação de rua e dependentes químicos. Eles admitiram ter dado abrigo para o homem preso.

O casal disse ainda que estava em Alto Rio Doce para divulgação do projeto e que percebeu que o suspeito estava alterado desde cedo.

Receba as notícias do Aqui de graça no seu celular. Inscreva-se.