Conecte-se conosco

Notícias

PM prende traficantes que usavam Whatsapp para vender drogas em Mantena

Traficantes operavam sistema de delivery de venda de maconha, cocaína e crack a usuários pelo Whatsapp

Publicado

em

PM apreendeu maconha, celulares e dinheiro em casa que era usada por traficantes como ponto de venda de drogas em Mantena | Foto: Divulgação PM

Estão presos no presídio de Governador Valadares, no Vale do Rio Doce, seis homens detidos em flagrante durante uma operação da Polícia Militar em combate ao tráfico de drogas na região. Segundo a PM, o grupo criminoso atuava na cidade de Mantena, também no Vale do Mucuri e atuava com um sistema de “delivery” vendendo drogas por whatsapp e entregando na casa dos usuários.

Os policiais chegaram até o local, na madrugada deste sábado, após uma denúncia anônima de que uma casa na rua Minas Nova, no bairro Morada Nova, estava sendo usada como um ponto de drogas e que várias pessoas estavam consumindo drogas no local. A PM então montou um cerco na região e confirmou todas as informações repassadas na denúncia.

Delivery de drogas

A casa tinha imensa movimentação de usuários que a todo momento entravam e saíam do imóvel que pertence a um criminoso conhecido como Dibobe, de 35 anos. Ele contava com o auxílio da esposa, de 34 anos, e mais quatro pessoas.

De acordo com a PM, Dibobe comandava um sistema de venda de drogas via Whatsapp, em que os usuários entravam em contato com o traficante, encomendavam os entorpecentes e recebiam em casa. Nas mensagens, o traficante oferecia porções de crack, maconha e cocaína a quem entrava em contato.

Pelo menos outros quatro criminosos, que atuavam sob o comando de Dibobe, faziam o serviço de entrega das drogas nas casas dos usuários.

Prisão

Dibobe, a esposa e os outros quatro suspeitos foram presos após um cerco da PM na casa em que o traficante morava e comandava o ponto de venda de drogas e a central de distribuição de entorpecentes por Whatsapp. Durante todo o cerco, os militares flagraram diversos usuários que chegavam ao local de carro para comprar drogas e outros que faziam o transporte de entorpecentes de bicicleta do imóvel até uma praça para serem vendidos a outras pessoas.

Dibobe e outros cinco presos foram levados para a Delegacia de Plantão de Governador Valadares onde a ocorrência foi registrada. Os criminosos foram autuados pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Na operação, a PM também apreendeu duas barras de maconha, uma porção de ácido bórico para refino de cocaína e uma balança de precisão. Um total de R$ 2.171,00 em dinheiro, que estavam com os traficantes, e cinco aparelhos de celular, usados pelo grupo para operar o sistema de vendas de delivery também foram apreendidos.

Continue lendo
Clique para comentar
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments