Conecte-se conosco

Notícias

Suspeito de matar mulher na frente da filha em BH é preso

O suspeito matou a ex-companheira quando ela estava indo para uma Delegacia realizar uma denúncia contra ele.

Publicado

em

Foto: Reprodução/PCMG

Um homem de 25 anos foi preso pela Polícia Civil suspeito de ser o autor do feminicídio que vitimou a ex-companheira, de 23 anos, no dia 13 de fevereiro deste ano. O crime aconteceu no bairro Alto Vera Cruz, em BH, na frente da filha da mulher, de 8 anos. Ele foi preso na última quarta-feira (01) no bairro Justinópolis, em Ribeirão das Neves. As informações foram divulgadas na manhã desta sexta-feira (03).

Segundo as investigações, a vítima foi morta no momento em que estava indo para a Delegacia denunciar o ex. Ela estava acompanhada de uma amiga e da filha (de outro relacionamento) quando foi abordada. Ele disparou quatro vezes e ela morreu no local.

O casal ficou junto por quatro anos e tiveram uma filha que, atualmente, possui 4 anos. O suspeito não aceitava o fim do relacionamento. A delegada Ingrid Estevam, responsável pela investigação, contou que o relacionamento sempre foi conturbado. “Desde o início, esse relacionamento foi marcado pelo ciclo de violência doméstica. A vítima acreditava que o suspeito podia mudar de comportamento, o que é, infelizmente, uma assinatura para o feminicídio”, disse.

As investigações indicaram que o suspeito vigiava a vítima constantemente e, inclusive, já tinha feito ameaças para a mãe dela. Dias antes do crime, ele teria efetuado vários disparos contra o portão da casa da mulher. 

O suspeito possui um histórico de violência contra outras mulheres com quem se relacionou. Ele já havia sido condenado por um homicídio cometido em 2019. Na ocasião, a vítima foi morta após intervir em uma briga do casal. 

Ele também é investigado por outros homicídios.

Continue lendo
Clique para comentar
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments